terça-feira, 27 de setembro de 2011

CADEIA ALIMENTAR

Fluxo de energia nos ecossistemas
A luz solar representa a fonte de energia externa sem a qual os ecossistemas não conseguem manter-se. A transformação (conversão) da energia luminosa para energia química, que é a única modalidade de energia utilizável pelas células de todos os componentes de um ecossistema, sejam eles produtores, consumidores ou decompositores, é feita através de um processo denominado fotossíntese. Portanto, a fotossíntese - seja realizada por vegetais ou por microorganismos - é o único processo de entrada de energia em um ecossistema.


Um aspecto importante para entendermos a transferência de energia dentro de um ecossistema é a compreensão da primeira lei fundamental da termodinâmica que diz:

“A energia não pode ser criada nem destruída 
e sim transformada”.
    Outro aspecto importante é o fato de que a quantidade de energia disponível diminui à medida que é transferida de um nível trófico para outro. Por exemplo na cadeia alimentar abaixo:  a lagarta (larva)  obtém, ao comer as folhas da árvore, energia química; porém, esta energia é muito menor que a energia solar recebida pela planta. Esta perda nas transferências ocorre sucessivamente até se chegar aos decompositores. 
  Esse conteúdo estamos vendo no 1º ano do ensino médio. É bom revisar!!
VALEU!!
BIOBJS-PROFE LÚ

Nenhum comentário:

Postar um comentário